Sempre teve o judô como prioridade na sua vida. Desde quando começou a praticar o esporte, Canto já treinava pensando em aperfeiçoar a sua qualidade como atleta de uma das modalidades mais tradicionais do mundo da luta. E foi essa concentração e uma rotina puxada de treinos que levou Canto ao topo do esporte no Brasil.

Iniciou sua carreira no judô em 1989, aos 14 anos de idade, um ano após Aurélio Miguel ter conquistado a medalha de Ouro nas Olimpíadas de Seoul.

Conquistou a vaga para representar o Brasil na seleção principal. Neste mesmo ano, foi Bronze nos Jogos Pan-americanos de Mar del Plata e, um ano depois, conquistou a sétima colocação nas Olimpíadas de Atlanta 1996.

Entre suas principais conquistas, destacam-se:

O bronze olímpico em Atenas 2004 é certamente a maior conquista da carreira de Flávio Canto.

E não é só no tatame que Flávio Canto busca a vitória. O judoca é responsável também pela coordenação de uma Ong que ensina o esporte para jovens carentes da favela da Rocinha, no Rio de Janeiro.