Iniciou a carreira de árbitro no início dos anos 60, apitando futebol de praia. Em 1965, começou a atuar profissionalmente na Federação Carioca de Futebol, e em 1968, entrou para os quadros da FIFA.

Trabalhou em duas Copas do Mundo, na Argentina, em 1978, e Espanha, em 1982, sendo neste Mundial o primeiro árbitro não-europeu a apitar uma decisão, a partida final, entre as seleções da Itália e da Alemanha, quando celebrizou o gesto de levantar a bola acima da cabeça, depois imitado por outros árbitros no mundo inteiro.

É o brasileiro com maior número de atuações em Copas do Mundo. Atuou sete vezes, sendo quatro como árbitro principal e as restantes como auxiliar.

Atualmente, trabalha na Rede Globo como comentarista de arbitragem e no canal de TV a cabo SporTV, onde participa do programa “Bem, Amigos, onde explica regras de futebol e aplica seu conhecido bordão “A regra é clara!”.